Julio Cortázar e/ou o cosmopolitismo militante – artigo de Paulo Sergio Nolasco dos Santos

Tomando como perspectiva o lugar e o compromisso intelectual de Julio Cortázar como escritor latino-americano, este artigo procura revisitar aspectos centrais da poética cortazariana, não em suas confluências estéticas, mas também na ótica da crítica literária contemporânea, com ênfase especial a memória e no elevado nível do nome e da obra deste escritor latino-americano.

 Leia na íntegra em:
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s